Especial BI2 - BI & IA: Diferenças, sinergias e como elas se complementam

Agora que você já sabe quais são os benefícios do Business Intelligence (BI), você vai conhecer as diferenças, sinergias e como o BI e a Inteligência Artificial (IA) se complementam neste segundo Informativo do Especial BI.

Mesmo que para muitos ainda pareça um tema de ficção científica, a Inteligência Artificial (IA) se fará cada vez mais presente nos próximos anos e será uma peça fundamental para o Business Intelligence (BI). As duas ferramentas são cada vez mais cruciais, mas muitas vezes mal compreendidas em um contexto empresarial.


Os objetivos da IA e do BI são muito diferentes, o BI visa agilizar o processo de coleta, relatório e análise de dados internos e seu uso permite às empresas melhorar a qualidade dos dados que coletam e a consistência com a qual os coletam. O BI não lhe diz o que fazer, ele lhe diz o que foi e o que é feito. Em outras palavras, as ferramentas de BI podem transformar “resmas” de dados ruidosos em um quadro coerente, mas não são projetadas para fornecer prescrições claras de como esses dados devem ser usados na tomada de decisões. Enquanto isso, a IA (Inteligência Artificial) simula comportamentos humanos e processos de pensamento, permitindo que os programas de inteligência artificial aprendam a tomar decisões racionais.


Os profissionais de tecnologia que constroem e operam programas de IA estão frequentemente tentando responder a certas perguntas:

As máquinas podem aprender e adaptar-se?

As máquinas podem desenvolver uma intuição confiável?


Ao contrário do BI, que torna a análise de dados muito mais fácil, mas deixa a tomada de decisões nas mãos dos humanos, a IA permite que os computadores optem por decisões tomadas por conta própria. Por exemplo, os chatbots podem, sem intervenção humana, responder às perguntas dos clientes. Além de simplesmente esclarecer uma imagem confusa, a IA pode fornecer receitas e soluções aos operadores humanos.


Business Intelligence + Artificial Intelligence: como se complementam


No texto acima, vimos que BI e IA são distintos, mas podemos assegurar que são sistemas complementares. A "inteligência" em IA se refere à inteligência computacional, enquanto no BI se refere à tomada de decisão empresarial mais inteligente. O BI pode ajudar as empresas a trazer ordem para as enormes quantidades de dados que elas coletam. Mas nem sempre visualizações em painéis ou telas de controle podem ser suficientes.


A IA pode permitir que ferramentas de BI produzam percepções claras e úteis a partir dos dados que analisam. Um sistema alimentado pela IA pode esclarecer a importância de cada ponto de dados em um nível granular maior e ajudar os operadores humanos a entender como esses dados podem se traduzir em decisões comerciais reais. Ao abraçar a confluência da IA e do BI, as empresas podem sintetizar grandes quantidades de dados em planos de ação coerentes. A IA pode, em última análise, fornecer, as melhorias incrementais que levam as ferramentas de BI para um nível mais elevado.


Parece provável que o futuro do BI, em certo ponto, dependerá da IA. Embora IA e BI tenham diferenças importantes, eles formam uma equipe poderosa. Seguindo adiante, as empresas fariam bem em não considerar a IA e o BI como tecnologias completamente separadas, mas sim explorar e investir em maneiras de realizar plenamente o potencial que cada uma tem em trabalhar juntas, ajudando as empresas a resolver seus maiores desafios e a alcançarem patamares antes inimagináveis e ao mesmo tempo entusiasmantes.


Essa parceria representa uma grande evolução tecnológica nos negócios, permitindo que sua empresa esteja à frente da concorrência. Isso pode representar um novo estágio de crescimento para a sua empresa e para os seus clientes. Aposte nessa parceria de sucesso e saia na frente!

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

+55 11 5093 4499